terça-feira, 31 de março de 2009


Nem com milhões de moedas de ouro
se pode recuperar um só instante de vida.
Que maior perda, então, do que a do tempo desperdiçado?
Chanakya Pandita, 275 a.C., Índia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget